29 de ago de 2010

É Guerra!

Já dizia o poeta... em tempos de guerra, qualquer buraco é trincheira.

Há pouco assisti duas das maiores super-produções atuais que têm como tema a segunda guerra mundial: "Band of Brothers" e "The Pacific".

Os dois são divertidíssimos, e certamente recomendáveis à qualquer um. A história é contada por aqueles que vencem a guerra, mas a mim pareceu tudo muito bem embasado. Uma extensão daquilo que eu tinha em mente.


Um breve resumo: Band of Brothers (pra mim o melhor) fala da campanha dos americanos Europa a dentro. O frio era caótico. Uma investida contra o inimigo no coração de sua base. Banda of Brothers acompanha o trajeto da "Easy Company", um daqueles grupos de loucos que, no dia D, pulou das alturas, de dentro de toneladas voadoras de aço, em meio a rajadas cintilantes de dezenas de milhares de tiros na noite para aterrisar em território hostil.


Já The Pacific acompanha a campanha dos americanos pelas ilhas do Pacíficos dominadas pelos japoneses (é de impressionar a extensão do território que os japz chegaram a dominar). São os fuzileiros embrenhando-se um florestas pantanosas, úmidas, lutando contra desinteria e malária, e lutando para não ceder à pressão.
Enquanto o BoB busca uma perspectiva mais voltada aos fatos da guerra em si, Pacific mostra mais dos personagens, as pessoas que enfrentaram a guerra.

Entretenimento de primeira. Pra quem não conhece muito sobre a segunda guerra, certamente vai ser um ponto de partida para que se desperte um grande interesse nesse evento estrogonóficamente terrível da história dos humanos.

Nenhum comentário: